Por que buscar ajuda?

       Ainda hoje, existe o preconceito em relação a ir ao Psicólogo, acreditando que é “só para loucos”. Por outro lado, isso tem mudado: cada vez mais a população procura ajuda devido a questões do cotidiano, crises pessoais, problemas afetivos, familiares, profissionais, etc.

       Algumas pessoas acreditam que procurar um Psicólogo significa que elas não sabem resolver seus próprios problemas ou que elas são fracas. Não existem pessoas fortes ou fracas; cada indivíduo é único e lida com os problemas da sua maneira.

Estudos publicados na U.S. National Library of Medicine, a maior biblioteca do mundo em assuntos relacionados à Medicina, comprovam que não são apenas os medicamentos que conseguem alterar o cérebro e propiciar uma melhora nos sintomas, mas também a Psicoterapia. Mais ainda, o consultório do psicólogo é um local em que o paciente pode se abrir, desabafar e ser ele mesmo.

        O mais importante é que a pessoa esteja disposta a fazer Psicoterapia e que isto não seja algo imposto por alguém, já que o seu sucesso depende muito da sua vontade e do seu comprometimento com o processo. Além de contratar um profissional sério e responsável e que o faça se sentir acolhido e compreendido.